Detalhadamente

Terapia Adleriana: O que é isso?

Terapia Adleriana: O que é isso?

O terapia adleriana busca aumentar o interesse social, pois, segundo a teoria de Adler, a fonte do problema na personalidade ocorre como resultado da falta de interesse social. Desta forma, a terapia é orientada na mudança de comportamento, pensamento e emoção através de diferentes estágios progressivos.

Avaliação em terapia adleriana

No início, o estilo de vida é avaliado, para que isso dê à terapia o contexto necessário para entender o conflito. Adler tendia a se perguntar o que essa pessoa teria feito se um determinado problema não tivesse sido apresentado, para poder encontrar o que o paciente queria evitar.

Como o estilo de vida adotado pela pessoa já foi analisado, ele fornece estratégias para evitar ou alcançar certas coisas, dessa maneira o sintoma do paciente não pode ser eliminado se o estilo de vida permanecer o mesmo.

Características notáveis ​​da terapia adleriana

A terapia adleriana é geralmente curta, uma vez que ele acreditava que o tratamento deveria mostrar algum sucesso nos primeiros 3 meses. Terapia além não intimida o paciente com termos muito científicos, mas oferece uma atmosfera acolhedora, como suporte.

O humor é usado para melhorar o ambiente da terapia e as ideologias religiosas dos pacientes são respeitadas, a ponto de serem usadas para entender a luta da pessoa, bem como um método para melhorar o estado emocional da pessoa.

Esta terapia teve como objetivo fortalecer a auto-estima do paciente. Outra característica da terapia é que ela busca um benefício não apenas para o paciente, mas também para a sociedade.

Um exemplo que Adler usou para demonstrar a teoria da memória inicial em sua terapia, ele era o exemplo de um homem que assegurava, sem evidências reais, que sua esposa iria terminar seu casamento.

A intervenção de Adler foi perguntar-lhe sobre sua primeira memória. O paciente respondeu que se lembrava de ter sido pego por sua mãe, então ela o abaixava da cama e criava seu irmão. Com base nessa primeira lembrança, Adler deduziu um estilo de vida baseado em não ser o favorito, o que claramente seria a causa de seus pensamentos de dúvida sobre a seriedade e o compromisso de seu casamento.

Etapas da terapia

A terapia adleriana é dividida em um total de doze estágios. Neste artigo, faremos um breve resumo dos principais marcos alcançados em cada um deles.

Primeira etapa

Nesta primeira etapa o principal é criar uma relação de trabalho com o paciente. Empatia, sinceridade e honestidade são absolutamente fundamentais, de ambos os lados.

Segunda etapa

No segundo estágio, também chamado de estágio da informação, o psicólogo tentará coletar o máximo de informações possível sobre o conflito do paciente. Além disso, buscará obter informações sobre as primeiras lembranças disso.

Terceira etapa

A terceira etapa é uma fase de intenso trabalho. O que se pretende é coletar e esclarecer todas as informações sobre o autoconceito do paciente, bem como pensamentos e sentimentos sobre ele e seus arredores.

Quarta etapa

Obteve todas as informações necessárias sobre a vida, pensamentos e sentimentos do paciente, Procura empurrar o paciente para a melhoria.

Quinta etapa

Nesta fase é realizado um processo de interpretação de comportamentos novos e antigos, bem como as dificuldades apresentadas pelo paciente.

Sexta etapa

Nesta fase, o paciente já possui conhecimento e compreende algumas de suas dificuldades e vicissitudes, para que Você pode começar a interpretar seus conflitos.

Sétima etapa

Durante todo esse estágio emoções se destacam, pois são usados ​​para modificar os padrões existentes caracterizados por serem prejudiciais, com novos padrões mais saudáveis.

8ª etapa

Nesta fase o paciente se compromete a fazer mudanças concretas e duradouras em seu comportamento, importante para ele, e isso terá um impacto positivo em sua vida.

Nona etapa

Nesta fase, é enfatizada a importância do ambiente sócio-familiar. Dessa forma, o paciente começa a mostrar interesse, não apenas em suas necessidades, mas também nas de outras pessoas.

Décima etapa

Após a conclusão da décima etapa, o conceito e o senso de comunidade foram estabelecidos na pessoa.

Décima primeira etapa

Novos objetivos são buscados, novos desafios em que virar após quase 11 estágios de aprendizado e crescimento pessoal.

Décima segunda etapa

Depois de terminar as 12 etapas, o paciente fez as pazes com o passado, é um ser integrado, útil para a sociedade. Além disso, cresceu pessoal e espiritualmente.

Referências

  • Adler, A., Bernstein, J., Brachfeld, F. O., Bernstein, J., & Rodríguez Bustamante, N. (1965).Caráter neurótico. Paidós,.
  • Adler, A. (1957).A ciência de viver. Diana
  • Oberst, U., Ibarz, V., & León, R. (2004). A psicologia individual de Alfred Adler e a psicossíntese de Olivér Brachfeld.Jornal de Neuro-Psiquiatria67(1-2), 31-44.