Artigos

Análise Transacional e os três estados do I

Análise Transacional e os três estados do I

Conteúdo

  • 1 O que é Análise Transacional?
  • 2 Como a Análise Transacional funciona?
  • 3 Os principais conceitos da Análise Transacional
  • 4 Quem pode se beneficiar?

O que é análise transacional?

Ele Análise Transacional (AT) é uma forma amplamente reconhecida de psicologia moderna, que consiste em um conjunto de ferramentas conceituais práticas destinadas a promover o crescimento e a mudança pessoal. É considerada uma terapia fundamental para o bem-estar e para ajudar as pessoas a alcançar seu pleno potencial em todos os aspectos da vida.

Na terapia de AT, o aconselhamento é muito versátil, pois pode ser usado em uma ampla gama de áreas e incorpora questões-chave do humanismo, integração, abordagem psicodinâmica e até terapias psicanalíticas. A pesar de que É comumente reconhecido como uma abordagem breve e focada na solução, A Análise transacional também pode ser aplicada como uma solução eficaz a longo prazo, com tratamento aprofundado.

Fundada por Eric Berne no final da década de 1950, a terapia com AT baseia-se na teoria de que cada pessoa tem três estados de si: pais, adultos e crianças. Eles são usados ​​em conjunto com outras chaves e conceitos da Análise Transacional, com a ajuda de ferramentas e modelos para analisar como as pessoas se comunicam e identificam o que precisam para que a interação ofereça um melhor resultado.

Durante toda a terapia, o terapeuta de AT trabalhará diretamente no aqui e agora, na resolução de problemas, ajudando os clientes a desenvolver ferramentas diárias para encontrar soluções criativas construtivas. O objetivo final é garantir que os clientes recuperem autonomia absoluta ao longo de suas vidas. Eric Berne define essa autonomia como a recuperação de três capacidades vitais humanas, espontaneidade, consciência e intimidade.

Como a Análise Transacional funciona?

A Análise Transacional é uma terapia da fala e as sessões são projetadas para explorar a personalidade de um indivíduo e como ele Foi moldada pela experiência, especialmente as derivadas da infância. Isso é alcançado através de perguntas hábeis e do uso de vários modelos, técnicas e ferramentas. As sessões podem ser conduzidas sob a forma de aconselhamento individual ou com famílias, casais ou grupos.

O ambiente que suporta a Análise Transacional não é julgador, seguro e respeitoso, garantindo que seja estabelecida uma relação positiva entre o terapeuta e o (s) cliente (s), a fim de fornecer um modelo para relacionamentos e comunicações subsequentes que se desenvolvem fora de terapia.

Nesse cenário, o terapeuta trabalha em colaboração com o indivíduo para identificar o que deu errado em sua comunicação e oferecer oportunidades para alterar padrões repetitivos que limitam seu potencial. Os terapeutas de AT reconhecem que todos temos o potencial de viver a vida que queremos, em vez da vida em que estamos "programados" para viver. Às vezes, porém, esse potencial é dificultado por padrões repetitivos ou scripts "inconscientes" derivados de decisões e ensinamentos da infância.

Os principais conceitos da Análise Transacional

Abaixo está uma exploração de alguns dos principais conceitos ou motivações da Análise Transacional que um terapeuta utilizará em seu trabalho.

O ego declara: Os estados do ego referem-se às três partes principais da personalidade de um indivíduo, e cada uma delas reflete todo um sistema de pensamento, sentimento e comportamento. Eles determinam como os indivíduos se expressam, interagem e formam relacionamentos.

Estes são:

  • Estado do ego Pais - Um conjunto de pensamentos, sentimentos e comportamentos aprendidos com nossos pais e outras pessoas importantes. Essa parte da nossa personalidade pode ser favorável ou crítica.
  • Estado do ego adulto - Refere-se a direcionar as respostas no "aqui e agora" que não são influenciadas pelo nosso passado. Isso tende a ser a parte mais racional da nossa personalidade.
  • Estado do ego infantil - Um conjunto de pensamentos, sentimentos e comportamentos aprendidos desde a infância. Estes podem ser gratuitos e naturais ou muito adaptados às influências dos pais.

Scripts inconscientes: Os terapeutas de AT usam a teoria da escrita de roteiro para identificar o inconsciente. Eles serão analisados ​​usando o modelo de estado do ego, e sua identificação é crucial para ajudar os clientes a perceber como certas permissões e proibições que receberam quando crianças estão afetando suas vidas e como elas se comunicam. Esses escritos inconscientes geralmente existem padrões repetitivos, como comportamento, pensamentos e sentimentos, características que sugerem que o estado do ego da criança é avassalador e contamina outras partes da personalidade de uma pessoa.

Transações: Quando as pessoas se comunicam, seus estados de ego interagem para criar "transações". Se os estados do ego interagem e se misturam de maneira saudável, as transações tendem a ser mais saudáveis, mas, às vezes, os estados do ego podem se contaminar para criar uma visão distorcida do mundo. Compreender essas transações é essencial para a resolução de conflitos.

Traços: Os traços se referem à conformidade, aceitação e reconhecimento, que influenciam a maneira como as pessoas levam suas vidas. A terapia com AT reconhece que somos amplamente motivados pelo reforço que recebemos, como quando éramos crianças, e se isso é disfuncional, teremos mais chances de adotar padrões de vida disfuncionais à medida que envelhecemos.

Privacidade: Outra motivação reconhecida na Análise Transacional é a intimidade. Semelhante aos traços, se a intimidade que uma criança experimenta é disfuncional, eles aprenderão que esse tipo de intimidade é o melhor que ela pode fazer para atender às necessidades básicas e se comunicar com os outros. Isso pode levar ao desenvolvimento de padrões repetitivos de comportamento que podem prejudicar o potencial de uma pessoa.

Redecisão: Isso se refere à capacidade de um indivíduo decidir novamente e fazer alterações em certas decisões que foram tomadas quando ele era criança, das quais seus scripts inconscientes são derivados. A redecisão reflete a suposição da terapia de AT de que os indivíduos têm o potencial de levar suas vidas como desejam. Essa energia é liberada após uma redecisão e é feita quando o cliente está no seu estado filho i.

Por fim, os terapeutas usam esses conceitos na Transactional Analysis Therapy para promover a reorganização estrutural e a desconfusão do estado de ego do filho do cliente. Eles incentivam os clientes a questionar suas crenças atuais e a maneira como ele ou ela usa seu roteiro de vida. Isso os ajudará a entender melhor a direção e os padrões de vida deles mesmos, e esse conhecimento pode ajudar a tomar a decisão de mudar seu comportamento.

Quem pode se beneficiar?

Projetado para promover crescimento e mudança pessoal, A Análise transacional oferece a oportunidade de desenvolver facilmente todos os tipos de habilidades de aprendizado que podem ser aplicadas a todas as áreas da vida. Isso o torna uma terapia valiosa para ajudar a resolver muitos tipos de problemas e foi aplicado com sucesso em uma ampla variedade de configurações fora do aconselhamento, incluindo treinamento e consultoria organizacional, pais, educação e treinamento.

A análise essencialmente transacional pode ser usar em qualquer campo em que haja necessidade de entendimento de indivíduos, comunicação e relacionamento. Como resultado, é particularmente útil quando há problemas com conflito, confusão ou quando algo está faltando. Problemas de relacionamento - entre famílias, amigos e casais - é uma terapia que se beneficia bastante, pois a AT incentiva os clientes a lidar com os problemas que se acumularam ao longo do tempo.

Muitas pessoas acham a terapia de AT atraente porque promove um relacionamento igual entre o cliente e o terapeuta, no qual é recomendável que o cliente se concentre em seu compromisso de mudar. Bern acredita que todos têm a capacidade de decidir o que desejam para suas vidas, e a terapia ajuda os clientes a reconhecerem seu valor e valor, a fim de alcançar esses objetivos.

Inscreva-se no nosso canal do YouTube
Todas as terapias psicológicas

Testes relacionados
  • Teste de depressão
  • Teste de depressão de Goldberg
  • Teste de autoconhecimento
  • Como os outros vêem você?
  • Teste de sensibilidade (SAP)
  • Teste de personagem