Detalhadamente

O que é psicologia transpessoal?

O que é psicologia transpessoal?

Conteúdo

  • 1 Origem da Psicologia Transpessoal
  • 2 Teorias da Psicologia Transpessoal
  • 3 O papel de um terapeuta transpessoal
  • 4 Como a Psicologia Transpessoal funciona?
  • 5 Como a psicologia transpessoal pode ajudar?

Origem da Psicologia Transpessoal

Psicologia Tranpessoal (também conhecida como orientação transpessoal) é uma abordagem humanística da terapia que foi promovida pelo psicólogo americano Abraham Maslow na década de 1960. O termo "transpessoal" significa "além do pessoal", e isso reflete o objetivo principal da terapia, explorar o crescimento humano e ajudar as pessoas a descobrir uma maneira profunda e duradoura de ser essencial, que existe além do ego condicionado.

O terapeuta transpessoal considera que o eu essencial é uma combinação dos aspectos transpessoal, auto-transcendente e espiritual da experiência humana. Todas as experiências de vida são consideradas valiosas e capazes de melhorar o crescimento, e cada indivíduo é tratado de acordo com seu esforço inato em direção a uma realidade superior. Por fim, em Psicologia Transacional aborda a cura e o crescimento através do reconhecimento da centralidade do eu.

A metodologia utilizada para conduzir esse processo terapêutico é uma combinação de tradições espirituais de todo o mundo, integradas a elementos da psicologia contemporânea. Essa estrutura pode ajudar uma ampla gama de pessoas, incluindo grupos de pessoas, como famílias e colegas de trabalho. Espera-se que os clientes da psicologia transacional adquiram uma compreensão completa de si mesmos, de suas habilidades e de seus relacionamentos, e os deixem equipados com o conhecimento necessário para ajudá-los a lidar com eles além da terapia.

Teorias da Psicologia Transpessoal

Os terapeutas que aderem à psicologia transpessoal acreditam que a integridade e o crescimento humano começam com pessoas que foram impedidas de atingir seu potencial (ou seja, sofrendo de um distúrbio psicológico). A psicologia transacional não considera a personalidade humana limitada. Em vez disso, ele vê certos traços e atributos de caráter como uma máscara de nossa verdadeira essência. Nossos seres nada mais são do que a concha que transporta a alma pela vida e, portanto, o que somos conscientemente é apenas uma janela para nosso ser transpessoal. Esta é a razão pela qual o endereço do A Psicologia Transpessoal inclui todos os aspectos do nosso ser (espiritual, social, intelectual, emocional, físico e criativo), para ajudar a curar e crescer. Ao melhorar todos os nossos recursos internos, podemos nos tornar poderosos motores de mudanças a longo prazo.

Outro elemento chave do Psicologia Transpessoal É o uso de influências positivas, em vez dos aspectos problemáticos da nossa psique humana, para alcançar a cura e o desenvolvimento pessoal. Esta técnica é derivada da pesquisa de um grupo de psicólogos da época: Abraham Maslow, Anthony Sutich, Stanislav Grof, James Fadiman, Miles Vich e Sonya Margulies sobre auto-realização e sua crença de que há criatividade, experiências, ações pessoais e altruísmo fora da personalidade comum e profundamente dentro do mesmo essencial. Seu objetivo era criar uma nova psicologia que honrasse todo o espectro da experiência humana, incluindo vários estados incomuns de consciência. Concentrando-se em modelos positivos que incorporam a verdadeira natureza da nossa psique humana, os terapeutas podem ensinar um cliente a ver suas habilidades internas e a si próprio como no processo de alcançar um estado semelhante de melhoria da funcionalidade humana.

O papel de um terapeuta transpessoal

O Psicologia Transpessoal É amplamente baseado na natureza do relacionamento terapêutico entre o terapeuta e o cliente. Primeiro, o terapeuta deve assumir o papel de um igual ao seu cliente e deve estar completamente conectado no nível da pura consciência, e compartilhar a mesma experiência que seu cliente na terapia. Essa consciência compartilhada garante que a empatia e a compreensão possam ser realizadas em conjunto com a postura exigente e analítica do terapeuta.

Fundamentalmente, no entanto, a maneira principal que um terapeuta deve adotar ao encontrar seu cliente é uma atitude de abertura mental, respeito, inocência e espanto, como se tudo o que fosse dito em terapia e pensamento fosse completamente novo. Por fim, o cliente e o terapeuta aspiram estar presentes, autênticos e conscientes de si mesmos, o que garante um relacionamento e configuração terapêuticos ideais que ajudarão a facilitar a cura e o crescimento contínuo.

Como funciona a Psicologia Transpessoal?

Psicologia Transpessoal é um processo de atualização e auto-realização, que ajuda os clientes a descobrir o âmago profundo de seu ser essencial. A terapia funciona construindo e expandindo as qualidades de um indivíduo, sua espiritualidade e autodesenvolvimento, ajudando os clientes a usar seu livre arbítrio e recursos internos para eliminar conflitos internos e criar um senso de equilíbrio e harmonia em seus relacionamentos. vive Por fim, através da Terapia Transpessoal, o indivíduo alcança um nível de funcionamento em termos de seu trabalho para estabelecer relacionamentos considerados "normais" e saudáveis ​​pelos atuais padrões de saúde mental.

Embora os especialistas discordem de um modelo específico, para esse processo terapêutico, há três áreas principais que ele cobre. Estes são:

  1. Psicologia além do ego (transcendido pelo ego)
  2. Psicologia Transformadora
  3. Psicologia Holística ou Integrativa.

Dentro dessa estrutura, os terapeutas transpessoais contarão com uma ampla gama de técnicas, ensinadas e apoiadas para que os clientes possam continuar a aplicá-las além da terapia. Fundamentalmente, essas técnicas podem ser adaptadas às necessidades específicas e às circunstâncias pessoais de cada cliente. A ênfase no desenvolvimento individual no Psicologia Transpessoal é garantir o cultivo eficaz da maneira intuitiva de saber que complementa o bem-estar psicológico e espiritual único de uma pessoa. É assim que a Psicologia Transacional é capaz de apoiar e melhorar o esforço inerente de uma pessoa por liberdade, unidade e realização da vida.

Alguns dos métodos comumente usados ​​no Psicologia Transpessoal incluem:

  • O conhecimento do corpo e do movimento
  • Redação de diário
  • Trabalho respiratório
  • Cura da criança interior
  • Exibição guiada
  • Meditação
  • Terapia de ioga
  • Estabelecimento de metas
  • O emprego dos sonhos
  • Treinamento Assertivo
  • Gestalt
  • Terapia de regressão
  • O desenvolvimento da imaginação e intuição
  • Obra de arte simbólica.

Como a psicologia transpessoal pode ajudar?

A Psicologia Transpessoal oferece aos indivíduos a oportunidade de reconhecer e valorizar seu valor real. Isso torna a terapia especialmente benéfica para aqueles que podem estar apresentando sintomas que estão prejudicando sua capacidade de apreciar e aproveitar ao máximo as experiências que a vida lhes oferece. Os tipos de problemas que a Psicologia Transacional pode ajudar a tratar incluem ansiedade, depressão, fobias e vícios, condições psicológicas consideradas como tendo um componente espiritual e que precisam ser entendidas e abordadas.

Os resultados da Psicologia Transacional incluem uma conexão de melhoria espiritual, uma maior preocupação pelos outros e uma apreciação mais intensa da vida. Esses benefícios se estendem a áreas mais específicas de crescimento e cicatrização, dependendo da variação das técnicas utilizadas na terapia. Enquanto o yoga e o trabalho corporal podem ajudar a aliviar o estresse, melhorar o funcionamento mental e o equilíbrio das energias mentais, emocionais e físicas, as práticas respiratórias podem estimular a calma e iniciar um estado alterado de consciência. Além disso, a meditação e a visualização guiada podem ajudar os clientes a estabelecer a paz interior, enquanto a hipnoterapia e a cura da criança interior podem criar uma visão positiva da vida e melhorar a autoconfiança.

Todas as terapias psicológicas

Testes relacionados
  • Teste de depressão
  • Teste de depressão de Goldberg
  • Teste de autoconhecimento
  • Como os outros vêem você?
  • Teste de sensibilidade (SAP)
  • Teste de personagem